segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Coisas que gostaria de ter dito I




Eu gosto de catar o mínimo e o escondido. Onde ninguém mete o nariz, aí entra o meu, com a curiosidade estreita e aguda que descobre o encoberto. [...] A vantagem dos míopes é enxergar onde as grandes vistas não pegam.

terça-feira, 9 de setembro de 2008

Elevador

Essa Canção é pra você
Mesmo antes de eu te conhecer

Será que a gente já se cruzou
Eu agachei você passou
Desci no 7 você subiu no 8
No mesmo elevador

Será que a gente mora perto
Será que a gente mora longe
Onde você está
Por que você se esconde

Essa pausa é natural
Coração pequeninim
Como será que se é
Eu te espero junto a mim
Eu sei que você existe
Por isso não estou triste
E posso até esperar meu amor
Que quando for eu vou saber
Quem é você



quarta-feira, 3 de setembro de 2008

Da apresentação

Caros leitores, supondo eu que algum dia os tenha. Este que vos fala é o personagem central desse programa de televisão ruim que chamo de vida. De antemão os advirto: minha vida é bem sem sal. Mas, muito frequentemente, pessoas me dizem que ela é engraçada. Se fosse defini-lá numa palavra essa seria inverossímil. Darei um exemplo. Dia desses estava vindo do centro para casa, quando fui abordado por um homem, que nunca vi mais magro, com uma pergunta improvável:

- Oi, você é segurança né?
- Não...?
- Mas eu to conhecendo. O que você faz?
- Tá trabalhando?
-Não...
- Mas você já trabalhou né?
- Sim...
- Ah, tô falando... dai que te conheço...Qual seu nome?
-Lucas.. - Nome esse inventando evidentemente.
- Se você quiser te arranjo trampo como segurança, tenho os contatos...
-Valeu, pode deixar...
- Se precisar eu anoto pra você aí. Você tem os contatos?
-...
-Você mora no Itajaí?
-Não...
-Onde você mora?
-...
-...
Ele espera um pouco e de repente olho para o lado e o rapaz já tinha ido embora...